Mulher Chupando Uma Xana Raspadinha

71 seg

Categoria:

Tag: ,

visualizações

71 seg

Categoria:

Tag: ,

Mulher Chupando Uma Xana Raspadinha

Mulher Chupando Uma Xana Raspadinha

O imbecil do marido, pois “Deus dá nozes a quem não tem dentes”, não se dava conta do monumento de mulher que tinha a seu lado e, apesar de respeitável condição social, bebia como uma esponja.

– Que delícia, tio… mas deixa eu fazer umas coisas com você também!Começou a tirar minha calça, deixou-a no meio das pernas e caiu de boca no meu pau, me chupando bem gostoso.

O capataz tirou o pau para fora e ela ficou assustada. Fui na intenção de ver alguma coisa,bater uma e finalmente gozar,olhei ela apagada só de lençol com uma camiseta minha, perdi o controle,puxei o lençol batendo uma e vi a bucetinha dela raspadinha, calculei que se encostasse a cabeça do pau nela ia ser de boa, dai aproveitei ,só que do nada ela sussurrou com voz mole: ‘Ta bom ai’?? Por causa do álcool, ao invés de me assustar eu subi beijando ela, que ficava dizendo bêbada: “sabia que era safado,sabia!”.

De lá pra cá, estamos trepando todo dia. Foi a minha melhor experiência.

Depois que terminamos,ficamos sentados na cama,cansados,ofegantes e com nossos paus vencidos e satisfeitos,Danilo disse que havia feito o que tanto desejava,fazer o mesmo que viu no filme e combinamos que meu amigão de pelúcia,seria nosso a partir daquele dia e sempre nos masturbávamos com ele,sozinhos ou juntos. Não sei quanto tempo se passou, mas eu já estava completamente excitada quando ele despejou seu leite no chão. Ai eu mandei ver, a bucetinha dela é apertadinha e parecia que eu estava tirando o cabaço dela naquele dia, nossa que delícia, meti com gosto e ainda falava “toma sua safada! Já que o corno do teu marido não te come como você merece vou te dar rola de verdade!”.

Lambi o clitóris dela do jeito que gostaria de ser lambida, em movimentos circulares e com o o dedo dentro da xoxota.

"Os dois abaixaram o vidro ao mesmo tempo para falar primeiro com a boneca; Quando eu já irritado com a insistência do outro motorista, olhei e falei qual é o seu fura-fila do xxxxxxxxxx; Percebi que era um grande amigo meu o Tony (nome fictício) e nunca havia imaginado passar por aquela situação que se transformou em certo constrangimento mútuo;Vanessa.