Pinta Com Meu Pinto – Dona De Casa Varrendo O Quintal E Mostrando A Buceta Esta Na Verdade Com Vontade De Dar A Bunda

Pinta Com Meu Pinto – Dona De Casa Varrendo O Quintal E Mostrando A Buceta Esta Na Verdade Com Vontade De Dar A Bunda

Pinta Com Meu Pinto – Dona De Casa Varrendo O Quintal E Mostrando A Buceta Esta Na Verdade Com Vontade De Dar A Bunda

ps:com vontade"A foto do conto, tiramos no dia que fomos pro Hotel, espero que tenham gostado e logo contarei mais histórias, inclusive deste ménage delicioso.

aiiii voce vai fazer euuuuu—– e começou a segurar no colcão com forçaAmanda: pra mim fazer o que eu quiser?O serviço foi bem feito, o Tiago sempre muito atencioso, ajudou a repintar o muro, podar algumas roseiras, fa*endo tudo o que pedia.

Anastásia chegou e foi varrendo os quartos. Já no domingo, depois que voltei do centro, busquei a cadela,dei um outro banho nela, e trouxe de volta pra dentro de casa; ela estava toda desconfiada e assustada, talvez porque estava adivinhando o que eu ia fazer com ela, cuspi no dedo e coloquei na sua bucetinha; fiz várias tentativas até ela se acostumar com meus três dedos nela , não foi fácil!!Fiquei peladão, depois de muito treino num abre e fecha da bucetinha da filosinha, eu estava preparado para descontar na minha cadela todo ódio que tinha no membro inferior debaixo, nela !! Segurei o seu traseiro lubrifiquei bem a bucetinha dela e o meu caralho com gel lubrificante…virei o traseiro da cadela e pus a cabeça da minha pica na buceta da minha amiguinha, mais não entrou! Depois de duas tentativas arrumei um jeitinho e penetrou a cabeça deu pra sentir o calor dela quando me preparei para empurrar com mais força nela,ela deu um latido, alto e rápido, eu tomei um susto! Então peguei ela pelas patas traseiras levantei e dei duas palmadas de quatro dedos na sua bucetinha e ela não conseguiu ficar em pé por causa da dor e do mendo, eu senti muito prazer quando vi aquela cadela, daquele tamanho se torcendo toda,choramingando pelos cantos sem poder se defender de mim e sendo minha vitima,meu pau começou a babar e latejar rapidamente como estivesse soluçando, eu estava usando meu lado sádico nela.

Os caras estavam bebendo do nado de fora de casa, quando eu escutei um deles dizer:-O Diego (o ex-namorado de minha irmã) me falou que tem um vídeo da Isabel fudendoEu estava apenas de passagem pelo quintal, mas ao ouvir avancei para cima do safado que falou.

No Sabado pelo manhã como sempre me levantei cedo, Mara minha mulher ainda dormindo, tomei banho passei no quarto do Daniel e Katia, estavam também dormindo,avisei a Mara que iria na cidade passar na padaria e fazer umas compras, voltando lá pelas 09:30hs, todos já estavam acordados, a Katia ja tinha tomado banho, estava com um shortinho pijama, sem calcinha e sutiã, e Mara minha esposa de babby doo branco transparente e calcinha de renda vermelha, logo chegou Daniel de cueca, com o pau meio mole, tomamos café, avisei que iria dar uma olhada no sitio, eles disseram que iriam tomar banho e iriam pra piscina, o Daniel iria fazer churrasco, depois de umas 02 horas, já eram mais de 11 horas,voltei as meninas na piscina, Daniel na churrasqueira, fui colocar um short, tomei banho de piscina, churrasco, depois me deu um sono danado, avisei que iria dormir um pouco, eles ficaram bebendo na piscina, acordei lá pelas 14 horas, olhei pra piscina e não tinha ninguem, quando passei no quarto vi uns gemidos das meninas, abri um pouco a porta e Daniel tava deitado, chupando a buceta de minha mulher, enquanto sua mulher chupava seu pau, entrei no quarto quando Mara minha mulher fastou a Katia do pau dele e sentou em cima, enquanto Daniel passou a chupar a buceta da Katia, assim ficaram, me aproximei da Katia, dei meu pau, ela me sentou na cadeira e meteu meu pau em sua buceta, vi a Mara as gritos dizendo que estava gozando, ele metendo nela e seu dedo na sua bunda, com aquela sena não demorou e gozamos todos gostoso, com a Mara lambendo o pau do Daniel todinho, depois beijou a Katia na boca dividindo o gozo do Daniel com ela, e assim foi nosso final de semana. – Marina,por favor venha,você será a nossa principal convidada vou ser sincera com você somos um casal atípico, essa recepção na verdade está além de apresentarmos nossa nova casa, somos praticantes de swing e todos que virão também,e uma delicia como você presente não será nenhum problema, na verdade do momento que eu te vi na porta da minha casa até agora só consigo imaginar em ver meu marido te fodendo.

Me viro e sento em seu pau, começo a cavalgar com vontade,nossos corpos agora formam um só, mordo e belisco ele, mostrando o quanto sinto prazer em estar montada nele,saio de cima dele fico de quatro,empinada pronta para ele me comer com força,na primeira investida já estou quase gozando,ele continua metendo gostoso,dessa vez gozamos juntos. Eu rebolava freneticamente, esfregando minha bunda no rosto do meu pintor.